Qualidade de vida, saúde e cabelos

 

Hoje que eu trouxe à tona o assunto dos cabelos, eu te pergunto: você sabia que os fios são indicadores de saúde? E para tê-los sempre saudáveis fica cada vez mais notória a importância da forma de como vivemos, aonde vivemos e o que comemos para obtermos um resultado na saúde global. “A qualidade de vida é determinante não apenas na duração de nossas vidas, como também em como envelhecemos. Envelhecer é inevitável, mas a incapacitação decorrente deste processo pode ser reduzida, permitindo envelhecer com dignidade, certa independência e ainda plena atividade social e se possível, economicamente produtivo,” observa o cirurgião capilar de Florianópolis Marcelo Evandro.

Para tanto devemos buscar um estilo de vida que seja prazeroso, praticar esporte regularmente, exercício aeróbico e musculação que são imprescindíveis, e alimentação saudável para alcançarmos o equilíbrio emocional. Enfim, é viver em harmonia, uma vida boa com um sono suficiente e reparador.

Dr Marcelo Evandro é cirurgião capilar em Florianópolis

“Não é fácil comprovar cientificamente, especialmente com grandes laboratórios financiando pesquisas, mas têm surgido estudos que apontam o stress como “gatilho” na alopecia areata”, diz o médico. Outro estudo mostra o stress psicológico induzindo o catágeno dos cabelos e exacerbando o processo inflamatório. Estamos falando de qualidade de vida, que obviamente é válido para todos, calvos ou não. E isso faz sentido, já que, segundo Marcelo Evandro, empresários são alvo do problema e grandes candidatos à calvície.

Eike Batista: empresários estão mais expostos ao stress...

Para isso as pessoas devem se questionar o que realmente querem para suas vidas e o que realmente importa. Muitas vezes vivem buscando ideais que não são os seus, vivendo assim em conflito interno, que só os desgasta. Identificar as causas dispensáveis de stress já é um bom começo. Rearranjar sua rotina, dando ênfase ao esporte, ao lazer e à paz espiritual é fundamental.

Diminuir o ritmo de trabalho pode parecer estar dispensando dinheiro ou oportunidades profissionais, mas não é.  Neste caso o número total de horas trabalhadas será bem maior se cuidarmos bem do nosso corpo e mente desde cedo. Melhor iniciar a partir de hoje.

 

O stress e seu aspecto psicológico

Se os antigos diziam “mente sã num corpo são”, o inverso também vale. Nosso ritmo de vida e a concorrência cada vez maior levam o homem a tentar superar cada vez mais os seus limites. Para piorar, temos as mazelas das grandes cidades como trânsito, poluição e sedentarismo. Além disso, nosso pouco contato com a natureza nos isola cada vez mais numa rotina estressante e sem atividade física. Caminhamos pouco e dormimos mal – tudo isso nos desgasta mentalmente ainda mais. Buscar o equilíbrio é não apenas importante, mas vital. Criar um espaço harmônico de convivência entre mente e corpo é o ideal.

 

Fonte: Arthur Tykocinski

Dr Marcelo Evandro: Celso Ramos Medical Center (Rua Dom Joaquim, 885 – sala 302). Fone: (48) 3229-0150.

Sobre Lise Crippa

Sou formada em Jornalismo, pós-graduada em Marketing e Moda. Atuo em assessoria de comunicação e jornalismo de Moda. O universo Fashion faz parte da minha vida e do meu trabalho.

Um comentário sobre “Qualidade de vida, saúde e cabelos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.