Natália Chaim vem a Floripa lançar sua coleção Infinito Sentir, para Attualità

 A designer de acessórios Natália Chaim chega na capital amanhâ (14), para realizar um bate – papo com as clientes Attualità. Natália atendeu ao convite da empresária Silvia Bergoudian, que detém a franquia Attualità Floripa, com loja próxima ao Beiramar Shopping.

Natália teve passagens pelos ateliês de renomados estilistas brasileiros, como Cris Barros, Carlos Miele e Alexandre Herchcovitch. Está sempre atenta ao que há de mais interessante no mercado da moda e não abre mão da leveza e do acabamento impecável em suas peças, o que a tornaram referência no universo do luxo. A designer já participou das melhores feiras mundiais, inclusive a Bijorhca, em Paris.

A marca homônima desenvolve peças contemporâneas, de primeira linha, utilizando os mesmos moldes usados na joalheria tradicional. Banhadas a ouro 18k são combinadas com pedras semipreciosas, preciosas, naturais e cristais fruto de ampla pesquisa. As coleções seguem as tendências mundiais, unidas ao toque pessoal de Natalia que cuida da criação. Uma variação entre o casual e o high-fashion aparecem em anéis, pulseiras e colares em vários estilos e tamanhos. Já os brincos, por serem moduláveis, agradam a todos os gostos e podem ser usados no formato desejado para cada ocasião.

Formas modernas, e ao mesmo tempo clássicas, compõem a linguagem da marca, que preza sempre se relacionar da melhor maneira com o universo feminino. É com esse foco que hoje, a empresa que existe há mais de 10 anos, vem ganhando cada vez mais força e admiradores em todo o País.

 

Sobre a coleção Infinito Sentir – verão 2019

A forma multissensorial de entendimento entre a natureza humana e o mundo ao seu redor foi a inspiração para a nova coleção de joias folheadas de luxo. Neste aspecto, a cartela de cores foi estruturada com tons vibrantes que remetem imediatamente a significados como paixão, energia, força. Já os tons pastel, assemelham-se de forma direta à ternura, calma, e compaixão, tanto na linha clássica, com preceitos de alta joalheria, quanto na linha handmade, já conhecida e consagrada pela inovação, através do mix de matéria prima selecionada e rigorosa qualidade na manufatura.

Em “Epístemologia” (ramo da filosofia que refere-se às condições sob as quais se pode produzir o conhecimento científico e os modos para alcançá-lo) a sensação é a reação imediata a um estimulo externo, seja esse consciente ou não. O que muda em cada um é a percepção, e consequentemente, a forma como cada um interpreta de forma individual ao ambiente pelo qual está exposto. De forma mais abrangente, os sentidos têm papel fundamental nesse contexto e as sensações visuais, auditivas, táteis, gustativas e olfativas trarão as respostas imediatas às condições externas pelos quais entendemos tudo que nos cerca. O fato é que a relação arte – moda está intrinsecamente relacionada, seja de forma objetiva ou subjetiva.

Em comum acordo com esse inédito momento da marca, revelam-se experiências que vão além. As texturas presentes em tendências globais em cristais premiun e pedras naturais, vindas do território asiático marcam presença nesse inédito momento.

Com lançamentos periódicos de conjuntos de brincos, colares, anéis e pulseiras, o insight surge como outra característica da coleção, que é planejada em quatro entradas para os próximos meses com cores e designs distintos: Serenity, Love, Hapiness e Euphoria. Nomes sugestivos de sensações como “felicidade”, “amor”, “gratidão”, “energia” e “honra” intitulam joias com design inovador ornadas de forma elegante e delicada em formatos curvos, convexos, e da união com equilíbrio e feminilidade surgem linhas que desenham exatamente esse novo e inigualável momento.

O termo “serenidade”, inspiração para o lançamento das joias em agosto, está intimamente ligado ao nosso estado de espírito, onde o ter e o ser encontram-se em equilíbrio, de forma a nossa essência mortal e material estarem conciliadas, e refletirem nossa percepção exterior física e mental. Obviamente, para tal, torna-se necessário certo nível de evolução e desprendimento, e agregando nossas potencialidades individuais, o resultado será usufruto longínquo do melhor que possuímos. A maioria das pessoas está sempre em busca de novas conquistas, projetos, e quando está estagnada, perde a motivação para entender e aprender a desfrutar do agora. A serenidade está justamente no meio-termo,ao que Aristóteles denominou como “temperança” – a velocidade ideal de cada um, que está entre nem ser muito ansioso por ir muito rápido, nem se deprimir por ir muito devagar.

Ambientes que nos remetem a serenidade também foram explorados, como o mundo marinho, onde, mais uma vez o azul aparece em predominância, junto á turquesa, pérolas, e complementado por cristais como a água-marinha leitosa e a jade verde. Os conjuntos também vêm nomeados com sensações que remetem ao tema: virtude, equilíbrio, harmonia, tranquilidade, esperança, sabedoria, calma, resiliência e compreensão.

 

Sobre Lise Crippa

Sou formada em Jornalismo, pós-graduada em Marketing e Moda. Atuo em assessoria de comunicação e jornalismo de Moda. O universo Fashion faz parte da minha vida e do meu trabalho.